Saiba como reduzir custos na fazenda e melhorar a lucratividade!

6 minutos para ler

Reduzir custos na fazenda é mesmo um grande desafio para a maioria dos produtores rurais. Principalmente quando levamos em consideração o fato de esses gastos estarem diretamente relacionados com a produção da lavoura.

Entretanto, graças à tecnologia atual, esses produtores vêm conseguindo acesso a informações precisas e extremamente detalhadas sobre os mais diversos pontos de sua propriedade — o que traz consigo a oportunidade de reduzir custos e aumentar a rentabilidade, sem prejudicar a produtividade.

Pensando nisso, neste conteúdo mostraremos como essa redução é possível utilizando métricas mais assertivas. Continue lendo para conferir!

A importância de entender os gastos da fazenda

Quando o assunto é gestão de uma propriedade rural, é muito importante que os produtores conheçam bem seus custos de produção. O principal motivo disso é o fato de que, no Brasil, o preço de venda da maioria dos produtos agrícolas não sofre interferência do produtor rural, pois são controlados pelo próprio mercado, como por exemplo, a soja e o algodão.

Se você não consegue definir esse preço de venda, o ideal seria ter pleno controle dos seus custos de produção para poder, de fato, gerar lucro com produtividade. Afinal, será impossível aumentar o valor dos produtos para o seu consumidor final.

Antes de fazer esse tipo de controle, contudo, é fundamental que o produtor rural saiba identificar todos os custos da sua lavoura.

Os principais custos de uma lavoura

Comecemos então pelos gastos principais de uma lavoura. Podemos já destacar alguns aqui, como fertilizantes, defensivos e sementes — que, juntos, correspondem a aproximadamente 60% dos custos da produção rural. Também há outras despesas como máquinas, implementos e arrendamento, no caso de produtor que não tem terra própria. Entretanto, aqueles primeiros 60% devem mesmo ser objeto de muita atenção na gestão de custos, já que eles interferem diretamente na produtividade e geram maior impacto também na lucratividade.

Como reduzir custos na fazenda como estratégia de lucro

Enfim, chegamos ao ponto principal deste artigo: como reduzir custos em uma lavoura? Um passo importante é fazer um manejo eficiente dos defensivos e fertilizantes agrícolas, calculando corretamente a sua aplicação — o que pode variar de acordo com cada área. Caso esse cálculo da quantidade do insumo e, quando necessário, da calda seja feito de forma incorreta, é possível que sobrem produtos após a aplicação, e esse restante deverá ser descartado, gerando aumento no custo.

Não somente os defensivos e fertilizantes, mas todo o estoque de insumos agrícolas precisa ser muito bem gerenciado. Esses elementos têm prazo de validade, sendo assim, produtores rurais que não têm uma boa gestão desse estoque podem acabar comprando produtos que serão desperdiçados.

Além disso, a redução de custos na lavoura não se limita ao manejo das culturas, mas também compreende o escritório ou a parte administrativa da fazenda. É muito importante ter uma boa gestão do fluxo de caixa, para evitar custos desnecessários decorrentes do vencimento de guias de tributos ou faturas de fornecedores. Em alguns casos, isso pode até representar pequenos valores — mas, somados ao longo de um período, se tornam consideravelmente elevados para o negócio.

O auxílio da tecnologia à gestão de custos

Com os avanços recentes da tecnologia no campo, surgiram soluções e ferramentas capazes de ajudar em todo o processo produtivo — incluindo a gestão de custos da propriedade rural. Um dos fatores que um sistema de gestão pode oferecer, por exemplo, é um controle de estoque preciso.

Também é possível utilizar essa tecnologia para analisar o nível de atividades de máquinas e implementos, como plantadeiras e pulverizadores, para que estejam sempre muito bem reguladas, capazes de aplicar os insumos agrícolas com eficiência. Assim, reduz-se os gastos e facilita-se a busca por incrementos de produtividade, com lucratividade, que é o mais importante na lavoura

Aliás, utilizando as novas tecnologias do meio rural, como os drones, é possível realizar análises de solo e foliares. Através dessas análises consegue-se traçar estratégias, tanto para correção de solo, quanto para aplicação de defensivos e fertilizantes foliares, obtendo assim um melhor aproveitamento dos insumos e diminuindo custos com perdas de produtividade.

As principais funcionalidades de um software para gestão de custos

Uma das funcionalidades mais comuns de um bom sistema de gestão é o controle de contas a pagar e a receber. Esses elementos são os principais componentes de um fluxo de caixa, e precisam estar dentro do sistema escolhido para que o gestor possa gerar relatórios precisos para análise.

Existem também funções mais avançadas, que permitem ao produtor enxergar as necessidades particulares do seu negócio por meio de números atualizados. Em outras palavras, o sistema auxilia o gestor a identificar e eliminar gargalos, antes que eles fiquem maiores.

Outro fator importante de um bom sistema de gestão para fazendas é o fato de que ele trabalha sempre com números e estatísticas, aumentando o nível de controle que o produtor rural tem sobre a sua própria produção. Se o produtor não sabe o que gasta, por exemplo, dificilmente conseguirá enxergar os pontos ou valores que podem ser reduzidos. Afinal, vale lembrar: “o que não se controla também não pode ser gerenciado”.

Por outro lado, tendo acesso às informações consolidadas de um bom software, ele terá em mãos informações rápidas e precisas que favorecerão a sua tomada de decisões, reduzindo custos desnecessários que impactavam diretamente a lucratividade do negócio. Isso, inclusive, acaba proporcionando outras vantagens, que vão além da gestão de custos, como podemos ver no estudo de caso da Fazenda Santa Bárbara.

Graças a todos os dados que o sistema é capaz de gerar, o produtor consegue tomar decisões melhores sobre o dimensionamento de investimentos para a próxima safra, por exemplo, sem depender de achismos ou “sentimentos de produtor”. Além disso, é bem mais fácil exibir todos esses resultados não somente para investidores ou credores, mas também para aqueles que estão ao seu lado e que, futuramente, assumirão o negócio.

Enfim, como você pode perceber, reduzir custos na fazenda não é algo simples. Porém, ao contar com um sistema de gestão que atenda as suas necessidades financeiras, gerenciais e, principalmente, fiscais, todo o processo fica mais fácil. Você contará com um suporte direcionado, para uma gestão totalmente otimizada da sua lavoura.

Então, se você gostou destas informações e quer conhecer um pouco mais sobre esse tipo de sistema, entre em contato conosco e converse com o nosso especialista! Teremos prazer em demonstrar mais especificamente como o nosso software funciona.

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário